Chegada Conturbada

CASABLANCA (tired) Resolvi aproveitar o deslocamento e tirar alguns dias de férias pra visitar o Marrocos. Depois de alguma pesquisa e alguns emails trocados com alguns colegas resolvi concentrar meu tempo no sul. Se der tempo visito alguma cidade do norte.

O voo do Porto pra Casablanca foi tranquilo com uma escala em Lisboa onde peguei um teco-teco. Passei pela imigração Marroquina rapidinho e logo estava no saguão do aeroporto. Nesse momento você já é afrontado por uma realidade bem diferente. Guardas fumando pelos cantos, homens se abraçando e se beijado (isso é bastante normal na cultura local), mulheres só com os olhos de fora e uma falta de informação danada. Ninguém sabia onde era o balcão da Avis. Por outro lado ganhei uns 3 cartões de companhias de aluguel de carro locais.

Depois de alguma procura encontrei as locadoras num canto do aeroporto. Levou um tempo mas consegui alugar meu carro. O cidadão não conseguiu passar um dos meus cartões mas passou o segundo. De repente ele disse que queria anotar o número do meu primeiro cartão pra ver o que tinha acontecido. Dá pra acreditar numa coisa dessas?  Pedi pra falar com o gerente da loja e aí meu carro ficou pronto rapidinho.

Nessa confusão esqueci de sacar dinheiro no aeroporto. Tinha apenas alguns euros no bolso. Peguei a estrada seguindo somente as placas pois os mapas que eu baixei para o GPS por algum motivo não estão roteando. E no fim de uma curva de o que aparece? Um pedágio! Larguei aquele sonoro fudeu!!

Perguntei pro cidadão se dava pra pagar com cartão.  Não dá, disse ele. E Euro, aceita euro? O lazarento olhou pra minha cara e disse, 10 Euros. O pedágio custava 5 Dirham (coisa de EUR 0.50). Usei alguns dos palavrões que ainda lembro em Francês e depois de algum tempo ele disse que agora não aceitaria mais os euros. Nisso formou uma fila de carros até que um senhor bastante simpático saiu do carro de trás e me deu uma moeda para eu pagar meu pedágio.

Cheguei no hotel que eu reservei para passar a noite e larguei o carro na frente do hotel, pois não tinha garagem. Logo apareceu um senhor dizendo que eu tinha que pagar. Merde, j’ai pas d’argent !! E fui dormir torcendo para que meu carro esteja lá amanhã.

Bem, assim foi meu primeiro dia em terras Africanas. Vendo pelo lado bom, encontrei uma boa alma que me emprestou dinheiro! Amanhã rumo a Marrakesh

Advertisements

3 thoughts on “Chegada Conturbada

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s