Geyser del Tatio

CURITIBA (powered by strong coffee) No nosso último dia de Atacama fomos visitar o que talvez seja o destino mais badalado da região, o Geyser del Tatio. Deixamos esse passeio para o último dia para casar com o horário do nosso voo de volta. Levantamos as 3h e saímos da pousada por volta das 4h. O complexo Tatio Mallku fica a aproximadamente  90km de San Pedro e a 4320m de altitude. O caminho é um show a parte que pode ser melhor apreciado na volta.

O movimento pela sinuosa estrada é bastante grande, pois de acordo com o guia entre as 6h e 7h da manhã é o melhor horário para apreciar o espetáculo da natureza

A altitude é uma preocupação para os guias. Os mais cuidadosos andam com alguns pequenos cilindros de oxigênio. Para nossa sorte, no nosso grupo ninguém teve problemas com a altitude, o famoso mal de puna.

A temperatura por volta das 7h beira os -6C. Um macete para se manter aquecido é ficar perto do vapor e com os pés próximos aos riachos de água quente, a qual é expelida pelos Geysers a uma temperatura de cerca de 85C.

Parte dessa água vai para uma piscina natural a qual é frequentada pelos mais corajosos. Não é recomendado que você fique mais que 15 minutos nessa água pois ela contem uma série de minerais que causam irritação na pela. Era a desculpa que eu precisava pra não entrar!

O campo de El Tatio é o terceiro maior do mundo e o mais alto. Para os Atacameños é um lugar sagrado e estando lá em cima é fácil entender o por que. Agora, não vá esperando ver jatos de 10 metros de altura. Isso não acontece em El Tatio, apesar de muitos guias e agências de viagem insistirem nessa falácia. A altura média é de cerca de 80cm. Abaixo um videozinho com a atividade de um dos muitos Geysers do parque.

Na descida todas as caravanas de turistas param em Machuca, um povoado que fica a uns 3000m de altitude e que segundo nosso sincero guia é coisa pra Inglês ver. O suposto churrasquinho de Lhama só leva carne de Lhama no nome. A carne é na realidade de boi paraguaio. Palavras dele.

De qualquer forma, o Geyser del Tatio é certamente mais um dos destinos obrigatórios para quem está no Atacama.

Advertisements